PREFEITURA DE TAUBATÉ DIVULGA DETALHES A RESPEITO DAS ALTERAÇÕES DO NOVO PACOTE VIÁRIO

12 DE DEZEMBRO DE 2014 

Caíque Toledo / Taubaté

redacao@gazetadetaubate.com.br

A Prefeitura de Taubaté divulgou ontem o mapa com as novas mudanças viárias, que serão implantadas a partir do dia 20 de janeiro do ano que vem. As modificações foram apresentadas na última terça-feira. De acordo com o prefeito Ortiz Junior (PSDB), as alterações servem para tentar corrigir três dos principais gargalos do trânsito taubateano atual: o viaduto do Belém, o túnel do Mercatau e a rotatória do Parque Três Marias.

As alterações mais significativas, por exemplo, acontecem no centro da cidade. A rua Emílio Winther perderá seu sentido mão dupla na praça Santa Terezinha, seguindo em mão única no sentido centro. A praça, por exemplo, terá seu sentido de circulação invertido. As ruas Pedro Costa e Marquês do Herval também terão sentido alterado, e passarão a operar em mão única sentido bairro.

A rua XV de Novembro terá sentido único para o centro até a rua Coronel Augusto Monteiro. Neste cruzamento, o motorista poderá acessar o túnel sentido Vila das Graças ou a avenida Granadeiro Guimarães. A Gastão Câmara Leal segue no sentido único para a rua Doutor Souza Alves, que também terá sentido único para a Quatro de Março.

Alterações / De acordo com a prefeitura, outras alterações demandam algumas obras e implantação de semáforos. São os casos do viaduto do Belém, que passará a operar apenas no sentido da rodovia Oswaldo Cruz, enquanto o túnel paralelo, do Campos Elíseos, seguirá sentido único para o centro.

O túnel próximo ao Mercatau terá suas duas rotatórias retiradas, onde serão implantados novos semáforos. Segundo a prefeitura, são ao todo 30 vias que sofrerão alterações — que incluem mudanças em sentidos e mudanças semafóricas. Há, ainda, o projeto de criar mais uma faixa de rolamento na avenida Charles Schnneider e também retirar o ponto de ônibus da praça Dom Epamiondas — que fica exatamente entre as ruas Pedro Costa e Marquês do Herval, que serão invertidas. As alterações serão feitas de forma gradual até 10 de fevereiro, fim do período de férias escolares.

Projeto/ Para mudar as principais vias da cidade, a Prefeitura de Taubaté encomendou um estudo para a Consenge Consultoria, de São Paulo, por R$ 1,87 milhão. Durante um período de 24 horas, a empresa analisou 76 cruzamentos críticos. “O objetivo dessa etapa foi a criação de anéis de circulação como medida para desafogar o trânsito, pois há uma redistribuição e organização do fluxo de veículos”, informou a prefeitura, em nota.

Saiba Mais
Nas ruas, as mudanças geraram opiniões distintas. “O fluxo da Santa Terezinha talvez melhore, mas ali no trânsito eu não sei. No começo vai ser um caos, mas acho que depois dá para acostumar”, disse o estudante Leonardo Baptista, de 29 anos. “Acho que vai ficar péssimo. Cada hora eles mudam alguma coisa, não dá para entender. Deviam divulgar todo o mapa de mudanças da cidade inteira de uma vez”, disse o comerciante Ricardo Alvares, de 47 anos.