Estivadores protestam em Belém contra ataques aos seus direitos

Estivadores protestam em Belém contra ataques aos seus direitos
Foto: Divulgação

Na manhã desta sexta-feira (31), estivadores interditaram a avenida Presidente Vargas, em Belém (PA) Eles reivindicam o fim de ameaças a mão-de-obra dos trabalhadores portuários avulsos e dos estivadores registrados e cadastrados no Órgão Gestor de Mão de Obra (OGMO), conforme o novo marco regulatório dos portos brasileiros a Lei nº 12.815/13 seja requisitada.

Dias atrás, enquanto os trabalhadores fizeram paralisação, a Santos Brasil, que opera a Tecon Vila do Conde, informou que a empresa já adotou medidas legais para retomar, o mais breve possível, seus compromissos de prestação de serviço público e atender às necessidades do porto e de seus usuários.

Segundo a nota, no princípio do mês a Santos Brasil iniciou o processo de contratação de trabalhadores a vínculo empregatício por prazo indeterminado para as vagas disponíveis, de acordo com o disposto na Lei 12.815/2013 e demais regramentos legais, tendo publicado Edital de Contratação com ampla divulgação aos interessados.

Com a interdição, o trânsito na Presidente Vargas foi desviado para o Boulevard Castilhos França, provocando grande congestionamento no local.

A greve dos estivadores começou na terça-feira (28) e foi paralisada às 13h de quinta-feira (30). Durante esta manhã está ocorrendo uma reunião entre o Sindicato da categoria e representantes da Santos Brasil.



Fonte: CTB - 31/10/2014