Centrais e movimentos debatem Dia Nacional de Paralisação em plenária


Diferentes movimentos sociais, sindicatos e centrais sindicais se reunirão na próxima segunda-feira (11) às 10 horas, em uma plenária para definir as ações do dia 29 de maio, Dia Nacional de Paralisação e Manifestações - Rumo à greve geral.

A mobilização tem cunho unitário e reúne as principais centrais CTB, CUT, UGT, Intersindical, NCST e CSP Conlutas em um único propósito: combater o retrocesso e defender os direitos socias e trabalhistas e a democracia.

O principal alvo a ser combatido pelas centrais e movimentos sociais é a PL4330, conhecida como a Lei da Terceirização, que golpeia diretamente os direitos trabalhistas e ameaça a CLT.

A plenária reunirá as diversas organizações para um debate comum de diretrizes e estratégias para a paralisação nacional do dia 29 de maio.

O ato será uma preparação para a greve geral contra o grave retrocesso representado por estas mudanças na legislação trabalhista, caso o PL seja aprovado.



Fonte: Portal Vermelho, com CTB - 08/05/2015