A prova da primeira fase da Fuvest 2014, aplicada neste domingo (24),

24/11/2013 18h04 - Atualizado em 24/11/2013 20h31

Prova da Fuvest teve Drummond, Laerte e questões interdisciplinares

Questão de inglês abordou os protestos do meio do ano pelo país.
O gabarito da prova será divulgado às 19h30, segundo a Fuvest.

Teve predominância de enunciados e alternativas curtos e alta frequência de charges, fotos e tabelas. Entre os livros de leitura obrigatória, "Sentimento do mundo" de Carlos Drummond de Andrade, foi o que apareceu no maior número de questões.

Drummond caiu na Fuvest (Foto: Reprodução)

 

A interdisciplinaridade de questões apareceu entre literatura e história, biologia e matemática e química e física, principalmente. Também foi usada uma tira do cartunista Laerte, que nos últimos anos passou a se vestir como mulher, com a personagem Muriel para abordar a questão de gênero. Uma questão de inglês abordou os protestos de junho pelo país.

Dos 172 mil inscritos, 19.862 não apareceram para fazer a prova, com abstenção de 11,5%na primeira fase.

 

O gabarito da prova será divulgado às 19h30, segundo a Fuvest.

Em português, cinco das 17 questões tomaram como base o poema "Revelação do subúrbio", presente no livro de Drummond listado como leitura obrigatória. Além de pedir conhecimentos dos candidatos sobre o movimento modernista na literatura brasileira, a prova também avaliou a capacidade de interpretação de trechos do poema.

Machado de Assis (Foto: TV Globo/Reprodução)

"Memórias póstumas de Brás Cubas" foi o segundo livro mais pedido, especificamente o capítulo LXXI da obra de Machado de Assis, que inspirou quatro questões.

Três questões da prova de português exigiram dos candidatos conhecimento para comparar obras tanto no conteúdo quanto no estilo dos escritores. Uma delas pediu a comparação da abordagem da escravidão nos livros "Memórias de um Sargento de Milícias", "Memórias Póstumas de Brás Cubas" e "O cortiço". Outra listou cinco obras e perguntou qual tinha o estilo mais próximo ao do livro de Machado de Assis. Uma terceira colocou lado a lado os livros "Vidas Secas", de Graciliano Ramos, e "Capitães de Areia", de Jorge Amado, e pediu semelhanças e diferenças entre eles.

 

Já uma tira de Laerte, publicada em maio deste ano, inspirou duas questões de interpretação de texto. O desenho trazia a personagem Muriel e debatia questões de gênero e alcoolismo.

Protestos
As manifestações de junho pelo Brasil apareceram na Fuvest em um dos textos da prova de inglês, adaptado de um artigo publicado na revista britânica The Economist em 29 de junho deste ano.

O trecho do artigo, incluindo uma charge, debatia os possíveis resultados das manifestações no Brasil, Turquia, Indonésia, Europa e a Primavera Árabe, e comparava o movimento de protestos atual com outros que marcaram a história em 1848, 1968 e 1989. Segundo o artigo, embora eles tenham sido memoráveis, apenas os protestos da década de 1980 conseguiram provocar mudanças políticas efetivas.

O segundo texto da prova de inglês foi retirado de uma edição da publicação "Discover" de maio de 2013, que teve como tema os impactos positivos da educação na saúde, principalmente na redução da mortalidade, em comparação com os efeitos do aumento de renda.

Todas as cinco questões de inglês exigiram do candidato a capacidade de interpretar os textos apresentados.