Ação integrada flagra 20 motoristas embriagados em Araraquara, SP

17/11/2014 12h59 - Atualizado em 17/11/2014 12h59

Condutores pagaram fianças de R$ 750 a até R$ 3 mil e foram liberados. 

Para delegado, pessoas não consideram que podem passar por fiscalização.

Stefhanie PiovezanDo G1 São Carlos e Araraquara

Uma operação integrada das polícias Civil e Militar autuou 20 pessoas que dirigiam sob efeito do álcool em Araraquara (SP). A ação teve início às 20h de domingo (16) e foi finalizada às 2h desta segunda-feira (17).

“Vinte pessoas, sendo 19 homens e uma mulher, foram autuadas em flagrante, pagaram fianças de R$ 750 a R$ 3 mil e foram liberadas”, afirmou o delegado do 3º DP da cidade, Edivaldo Ravenna Picazo. Os valores foram definidos de acordo com as infrações e o maior deles foi pago por um motorista que, além de dirigir embriagado, furou o bloqueio e desacatou policiais.

A operação teve dois pontos, um em frente ao Shopping Jaraguá e outro no Teatro Municipal. “Os pontos foram definidos pela área de inteligência da polícia e notamos uma variação com o passar das horas. No começo, eram condutores que estavam saindo de churrascos em casas e chácaras e, posteriormente, de barzinhos”, disse o delegado.

Alguns motoristas recusaram o teste do bafômetro e foram submetidos à análise de um médico legista que acompanhava a ação, a qual, para o delegado, tem caráter tanto educativo quanto repressivo. “A percepção é de que os autuados caem em si, percebem o abuso e aceitam a fiscalização”, afirmou.

“As pessoas acham que isso só acontece com o outro e ficam surpresas quando acontece com elas, mas todos estão sujeitos à fiscalização”, completou Edivaldo.